Dinâmicas para jovens evangélicos

Apesar dos jovens darem bastante trabalho, em assuntos relacionados a drogas e desrespeito, muitos se encontraram na religião.

Os jovens evangélicos se divertem assim como todos, mas seguindo as tradições da sua religião.

Muitos jovens dão trabalho tanto para a sociedade como para os pais, se envolvendo com as drogas, desrespeitando em casa, sempre irritados eles acabam deixando todos de cabelo em pé e costumam se relacionar somente com as pessoas de sua idade.

                       

Jovens e responsáveis

Oração evangélica

É claro que tem toda aquela explicação sobre a fase que estão vivendo, sobre a alta taxa de produção de hormônios que acaba desregulando um pouco a estabilidade emocional, porém alguns grupos de jovens estão mostrando que existem boas exceções e não são poucas.

Até mesmo em igrejas católicas é possível ver grupos de jovens, que acreditam em Deus e se encontrar para discutir temas encontrados na bíblia e vividos por eles.

Os jovens que frequentam igrejas vem crescendo em grande número, nas evangélicas, por exemplo, os jovens participam de grupos e dinâmicas para entender o que realmente devem fazer em suas vidas e se diferenciam muito do grupo que acaba se dando mal, aprendem que é possível ser feliz sem beber, fumar e fazer coisas erradas, ajudando ao próximo e tendo fé em Deus.

Dinâmicas para jovens evangélicos

Quais são as atividades dos jovens

Pelo contrário do que pensam os jovens evangélicos não ficam 24 horas em casa, sem se divertir, eles se divertem muito, inclusive na igreja que frequentam. Saem com o pessoal do grupo de jovens, vão a baladas, usam roupas normais, tudo isso com muita consciência.

Tipos de dinâmicas

É claro que as festas são sem álcool, namoro é controlado sem relações sexuais e roupas sem exageros, sem muitos gastos com coisas fúteis. Pesquisas apontam que a maioria de algumas igrejas evangélicas é composta por jovens, que buscam esses lugares para ter melhor qualidade de vida, solucionar angústias e até mesmo ficar livre do pesadelo das drogas, por exemplo.

Na verdade as igrejas são como uma terapia, terapia com Deus, em que os jovens se dedicam e participam de dinâmicas para discutir e colocar em prática os ensinamentos da igreja e da Bíblia em suas vidas.

Os jovens se sentem bem nas igrejas e é por isso que tem tanto orgulho de dizer que são parte delas, não é preciso ter vergonha, é só seguir a vida com consciência, responsabilidade e com Deus no coração, muitas vezes os amigos que são encontrados na Igreja permanecem para a vida toda, como uma família, muito mais do que amigos quaisquer.

Dinâmica da Bala

Evangelho em Pedaços

Dinâmica das bexigas

Dinâmica com grupo de jovens

2 votos



Helena
11/04/12


Mais informações por email.

Deixe uma resposta